Espaço Mundial: Perspectivas França-Brasil

Por: Coursera . en: ,

Overview

Na perspectiva da França e do Brasil explicam como a globalização reconstitui as políticas públicas e os comportamentos sociais. Nós estudamos os intercâmbios e as interações entre os atores políticos, econômicos e sociais – públicos e privados, individuais e coletivos – e o modo pelo qual redesenham as relações internacionais. Este curso fundamenta-se nas abordagens da sociologia e da história das relações internacionais.

Syllabus

Introdução (Bertrand Badie)
-Nosso mundo globalizado necessita de uma nova abordagem do internacional, rompendo com as teorias clássicas.

Introdução (Carlos Milani)
-O sentido político de analisarmos o mundo a partir do Sul, em geral, e do Brasil, em particular.

As Desigualdades (Bertrand Badie)
-Os principais indicadores econômicos e sociais mostram um mundo desigual e instável.

As Desigualdades (Carlos Milani)
-As desigualdades ocorrem dentro e entre os Estados e as sociedades, mas também na capacidade de ação dos demais atores e de construção de normas internacionais.

O Regionalismo (Bertrand Badie)
-Novos tipos de integração, particularmente as construções regionais frágeis, colocam em xeque o território do Estado-nação

O Regionalismo (Carlos Milani)
-União Europeia: modelo a ser seguido? Experiências originais de integração regional na América Latina.

Os atores mundiais (Bertrand Badie)
-Os Estados-nação não são mais os únicos atores internacionais. Inúmeros grupos e 7 bilhões de indivíduos são hoje atores potencias do sistema internacional.


Globalização (Bertrand Badie)
-A globalização é um processo complexo que coloca em xeque os principais aspectos da ordem mundial.


Identidades (Bertrand Badie)
-A identidade é uma noção que deve ser revista e considerada como uma construção social e política.


Religiões (Bertrand Badie)
-A religião é percebida como um parâmetro fundamental da ordem mundial contemporânea, mas esta visão é simplista.

O Estado-nação (Bertrand Badie)
-O Estado-nação ainda seria funcional em todos as regiões do mundo?

O Estado na América Latina (Carlos Milani)
-Por que a construção do Estado na América Latina é diferente do padrão europeu? Qual é, ainda hoje, a importância do território e da identidade nacional no contexto específico da América Latina?

Poder (Bertrand Badie)
-O poder ainda faz ainda sentido e tem alguma eficácia?

Guerra e Paz (Bertrand Badie)
-A especificidade dos novos conflitos internacionais implica novos tratamentos.

Sistema Internacional (Bertrand Badie)
-A polarização e o multilateralismo são as novas características do sistema internacional após 1945. A primeira encontra-se provavelmente ultrapassada e o segundo, contestado.

O multilateralismo visto do Sul (Carlos Milani)
-A crise do multilateralismo reflete a sua pouca funcionalidade para os interesses das grandes potências, podendo conduzir à desconstitucionalização da ordem internacional.

Conclusão (Bertrand Badie)
-Rumo a novas regulações?

Plataforma